quinta-feira, 27 de setembro de 2012

voltei...

...e estou em depressão.

sábado, 8 de setembro de 2012

Adiós, bitches.




A olimpíada acabou, todo mundo jogando fora toda a tralha com a estampa de Union Jack que adquiriu, todo mundo ensaiando passinhos de samba pro próximo evento e eu, bão, eu tô indo pra Londres, bitches.

Tipo assim, neste exato momento em que você está lendo isso e tal. (Se o blogspot voltar a publicar meus posts programados, é claro.)

Muito maneiro ter que ficar regulando informação por motivo de: stalker e olho gordo.

Gente, sério, sempre tem aquela peçoua que vem “ehmergerd, você vai pra europa, vou junto”. Tipo, tem a pessoa que eu gosto que quer ir também e muito me gusta (por isso as pessoa que eu gosto já sabiam) e tem os loco, que só vão descobrir quando eu estiver chegando lá (tipo agora).

E tem o zóio gordo, né? Essas âncora na mia vida, plmrdds.

*****

Na verdade, neste momento estou a caminho de Dublin, pra ser mais exata. Vou ver castelos e tomar Guinness (só que não) e ficar ruiva e comprar toda a sorte de claddaghs que cruzarem meu caminho. Faço a mínima ideia de como essas tralha vão entrar na mala, mas faço votos de chegar com tudo no braziu de volta. Nem que tenha que mandar coisas pra mim mesma pelo correio heh.

*****

Foco.


Como tudo começou

Estava eu muito mais entediada que o normal, que já vem a ser entediado pra caramba, quando pensei com mim mesma: como sair desse cocô?

Nesse exato momento, eu passava pela frente de uma agência de viagem que prometia Paris, Londres, Amsterdã, Bruxelas e Frankfurt em 10 maravilhosos dias. Achei a ideia muito maneira, só que não. Dois dias em cada país, com excursão correndo com você pra lá e pra cá? Eu acho que morreria de nervoso.

Fui almoçar pensando em como melhorar issaê. Foi aí que DOCTOR WHO aconteceu.

Quiqui eu quereria mais na vida que ver uma TARDIS, o Wales Millennium Centre, o Bosphorus Turskish Restaurant, Cardiff Bay e blábláblá?, vocês não assistem Doctor Who, já tá tudo boiando aí que eu sei. Anyway, como não imagino que Cardiff seja o lugar mais sensacional pra gastar 15 dias, porque não ir a Londres, ver meu amigo Winspirro e gastar a mesada toda na Forever 21, Topshop, Urban Outfitters e afins? Mas pra não empobrecer tanto em libras, porque não visitar o amigo Frederico na Irlanda, bater um papo cos leprechaun, achar o pote de ouro no fim do arco-íris, ver um castelo onde eu morei na vida passada?

Assim se deu o roteiro sensacional dos meus dias.

Colocando a ideia em prática

Ok, eu já sabia pra onde queria ir. Mas quando? Tem que ser depois das olimpíadas, tem que ser antes de ficar frio demais. Não que eu não curta frio demais, mas acho que pra passear e talz o cerumano precisa de um clima mais ameno. De modos que concluí: quer mais RHYCA que passar o aniversário na Europa? Em Londres? Coloquei essa data no meio da viagem e saí contente em busca da mala perfeita.

Demorou assim, uns dois meses pra eu achar a mala? E eu só iniciei os trabalhos de comprar passagem depois de ter a mala hahaha. Parabéns. Na volta, vê se procura um psiquiatra.

Ok. o maior pesadelo da vida de uma pessoa é encontrar a agência de turismo certa. Juro-lhos. Todas as que eu consultei foram indicadas por alguma pessoa muito linda e inteligente e tudo deu errado.

As agências

A primeira foi sensacional. Nessa época, eu ainda queria passar na Escócia, POR QUE NÃO, NÉ? E lá, tudo que eu queria ver era o Loch Lomond, que o moço não conseguia achar no mapa. Depois, o grande drama: querer me enfiar numa excursão. “Por que você não fica menos dias ali, mais aqui, tantos lá? Aí você pega a excursão tal e blábláblábláblá” NÃÃÃÃO, faz parar!

Entre um stress e outro, o moço um dia me mandou uma cotação de passagem aérea, dizendo que era classe L. Eu muito não sabia e continuo não sabendo o que vem a ser isso e respondi perguntando (q).

- é o lugar em que você viaja, no avião.

SÉRIO?

- tá, mas que lugar é esse?
- é na classe L.

Olha, achei que era um sinal divino e deletei o email, desisti da agência.

*****

Na segunda eu botei fé. Minha irmã resolveu da noite pro dia que ia pra África do Sul e essa agência fez o negócio acontecer. Deu tudo tão certo que, assim que ela voltou, pedi o contato.

- só diz que quer falar com o *fulano*, NUNCA com a *fulana*.

*Fulano* me atendeu, disse que estava ocupadíssimo e passou meu caso pra quem? PRA QUEM?

Bom, a tia sofria do mesmo mal que o rapaz anterior. Eu pedi bem bonito Dublin – Londres – Cardiff, avião, avião, trem, avião, lugar pra dormir e fim. Quiqui vinha de resposta? Cardiff – Dublin – Londres, excursão, excursão, avião, trem é perda de tempo, avião, meus ovo, dar a volta ao mundo, tudo errado.

Eu acho que foram uns 12 emails ela teimando comigo que eu ia me dar mal se não fizesse do jeito dela.

O sinal divino foi quando ela quis emperrar meu lindo passeio de trem pelas pradarias britânicas.

*****

Third time’s the charm e foi nessa hora que eu me lembrei de uma amiga de teeeempos atrás, cuja família tinha uma agência. Mandei email num dia pra pedir socorro e douze míseros dias depois (vejão que até ali 6 meses tinham se passado) eu tinha passagens, eu tinha hotéis, eu tinha trens, eu tinha tudo que eu queria, do jeito que eu queria.

Alguém de Curitiba querendo o contato, é só pedir. As pessoas são MÁGICAS lá.

Os toc tomando conta

Com tudo pronto, só falta escolher as roupinhas, as camerinhas [num credito que não vou ter força de vontade pra carregar Zenit e seus 35kg pela Europa :(((((((], a capinha do Iphoninho, os sapatinhos, as bijuteriazinhas e AIMELDELSAIMELDELSAIMELDELS não vai dar tempo.

Lógico que nesses dias que antecedem a viagem (faltam 10, quando escrevo essas bem traçadas linhas de zeros e uns), tem oitenta e quinze mil coisas pra fazer. ALÉM dos planos da viagem. Tô surtando linda.

Pelo menos eu me lembrei de fazer passaporte com mais de 6 meses de antecedência, que é o que precisa pra entrar nazoropa.

O que eu QUASE esqueci, foi de desbloquear os cartão de crédito tudo pra usar no ~exterior~. Jamais me esquecerei da experiência no Paraguai e na Argentina kkkk grazedeus aceitaram meus real e as moeda deles não vale nada porque senão eu tava frita. Duvido que as galere aceite meu cartão de débito da caixa econômica federal em Londres.

Agora meu maior drama é quantos levar de dinheiro, se levo travel Money, se largo a mão de tudo e vou pra piracicaba, sei lá. Tô muito nervosa com esse lance de comprar dinheiros.

Falando em nervoso, quase que me desmaiei-me ao descobrir a) a voltagem e b) o formato da tomada. Acho indigno que não ecsista um padrão universal pra esses negócios e 230V é sacanagi, não? EU NÃO POSSO VIVER SEM CHAPINHA. Talvez eu nem use, mas kd conforto psicológico? Vai que o clima lá é mais cruel que o de curitola?


****

Como eu não sou blogueira patrocinada, não darei o passo a passo da minha viagem por aqui. Aliás, que coisa mais falta do que fazer que ficar atualizando blog em viagem, não? Não digo nem pequenos flashes de maravilhas da vida, falo daquelas coisas super bem diagramadas, com fotos editadas e créditos e AI MEU FIOFÓ, É FÉRIAS, FIA. Larga o netbook em casa e vai olhar as coisa.

É o que eu pretendo fazer.

****

Quebrei o mundo fazendo um 4square pros stalker não se matarem à lá Didi, mas não vou liberar pra quem quiser ver HAHAHAHAH. Provavelmente postarei invejas no facebook e tal. E no instagrão é bem capaz que eu pareça a classe média deslumbrada, pode seguir, fica à vonts. 

Relatos sobre as maravilhas que acontecer-me-ão, aqui mesmo, mas só depois que eu voltar. Relatos sobre moda e compras, no pobre e abandonado blog do all star e relatos totalmente não relacionados só que ao contrário sobre como falir em uma lição no blog da pobreza. Tava só esperando isso pra voltar.

****

Um beijo, se divirtam, ME CUMPRIMENTEM NO MEU ANIVERSÁRIO SIVIRA DÁ SEUS PULO, não me abandonem e não deixem ninguém parar meu avião dizendo que me ama, porque eu volto when september ends.




















quinta-feira, 6 de setembro de 2012

quem sabe em 2045?

Depois desse negózdi pegar na mão, outro dia aconteceu um beijo na testa.

Quem sabe minha vida amorosa não esteja exatamente onde deveria estar em 2045, né?

Tô otimista.

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

eu me apaixonei pela peçoua errada kkk q


até o próximo passar, obviamente

Amigues, vocês assistem seriado? Sabe quando desde o primeiro capítulo você sabe que um casal foi feito pra ficar junto, nem que leve 48 temporadas? Aquela coisa que no tumblr nós chamamos de OTP and ship so hard? Tipo Mulder e Scully, Brennan e Booth, Rose and the Doctor (me deixa), Jane e Grayson, Olivia e Peter, Meredith e McDreamy, Ted e a mãe, Robin e Barney, Jess e Nick, McNally e Sam, Penny e Leonard, Alicia e Will (me deixa²), Lisbon e Patrick Jane e por aí vai?

Sabe quando você está assistindo ao seriado há temporadas e se pergunta se o casal vai pelamordedeus ficar junto e cada final de episódio, quando acontece o climinha maneiro, você diz “agooooora vai” e não vai, e da próxima vez em que os dois se encontram é como se nada tivesse acontecido e você tem que ficar torcendo tudo de novo?

Outro dia eu tava passeando pelas internetes, quando eu li uma frase de alguém se perguntando “com quem será dos meus ~amigos~ as pessoas me “““““shipariam””””” se eu fosse um personagem de TV?"?

*****

Sabe quando você conhece uma pessoa nova e gosta instantaneamente e nem você sabe se é amor ou amizade, silviommm? Ou então quando tem uma pessoa com quem é amizade, mas um dia seu cérebro resolve se perguntar se é só isso mêmo e deixar seu mundo uma zona que pelamordedels?

TODAS MINHAS FRASES TERMINARÃO COM INTERROGAÇÃO NESTE POST?

*****

Daí eu fiquei pensando em como seria engraçado se cada *pessoa* nova fosse como um seriado novo começando e aquela tensãozinha sentimental estúpida deixando todo mundo nervoso e cada “agora vai!”, mas num vai é um fim de capítulo e meu deus do céu, nem eu sei mais o que eu quero dizer com esse post?

*****

O mais engraçado seria o mundo em que as pessoas saberiam tudo sobre mim e sobre meu OTP (na cabeça delas, que provavelmente não seria o mesmo que o meu na minha própria cabeça) e nego morrendo de dó do coitadinho do moço, já sabendo onde isso vai dar. Se na vida real meus amigos me shipam tudo cas pessoa errada, o que poderia eu esperar da audiência?

Mais engraçado ainda seria me ver acreditando que todos me ama, me quer, quer casar comigo e a pessoa tá, sei lá, sendo legal. Ou educada. Ou nem sabendo que eu existo. Mas aí não é televisão, né? Porque na televisão as pessoas gostam de gente feia por causa da beleza interior; casam com gente bruxa, pra poder trocar pelo coração bão; param aviões pra declarar amor.

(Pelamordedels, não pare meu avião pra declarar amor, eu só vou ali e já volto.)


HAHAHAHAHHA mas o quiqui eu tô falando?

Desculpa, gente. Peguei uma peste no domingo provavelmente causada por praga e por usar a boca indevidamente UEEEPAAAA [pra falar mais do que devia]. Tipo agora. que me deixou acordada a noite toda, trabalhei o dia inteiro, usei dorgas, tentaram me matar no meio da tarde, usei MAIS dorgas, fui pra academia e ainda não fui dormir. Tô delirando.

this ship is already sinking

Um beijo e assistam menos TV.